6192
post-template-default,single,single-post,postid-6192,single-format-standard,cookies-not-set,stockholm-core-1.2.1,select-theme-ver-5.2.1,ajax_updown,page_not_loaded,popup-menu-fade,wpb-js-composer js-comp-ver-6.1,vc_responsive,elementor-default

P.01 – A Marca das Meias 4 | O Ambiente da Marca – Estudo de Caso

Anterior: O Produto

Esta é uma série de Estudos de Caso sobre processo e produto de diferentes projectos. Para ler mais sobre estes Estudos de Caso, dá uma vista de olhos em Estudos de Caso. O Projecto 1 foca-se numa marca de meias.

Quer estejamos a criar um objecto ou serviço, de uma nova marca de vestuário a uma loja de ferramentas, somos inspirados tanto por uma necessidade como por um moto, e o que caracteriza a forma como a marca se comporta – a sua personalidade, enquanto construímos a nossa história e estória de marca – ou temos que ir de encontro às expectativas de um legado.

Às vezes, dependendo de quão orientado à parte visual ou às tendências o nosso empreendimento é, tendemos a seguir tendências, das matérias primas e inovações, às práticas do negócio ou às cores, e isso tende a influenciar a forma como desenhamos, criamos e vendemos o nosso produto.

Com isto, falamos de Ambiente de Marca & Personalidade de Marca, a História da Marca e o Tema da Estação

O Ambiente da Marca é composto por referências – visuais e psicológicas – que a nossa marca incorpora ou personifica, que constroem a proposição de valor final que oferecemos ao cliente.

A Personalidade da Marca é a forma como a marca se comporta, de acordo com diferentes situações que pode enfrentar no futuro. 

A História da Marca é importante, especialmente se é uma marca mais antiga, mas, normalmente, foca-se no porquê e no como a marca começou e se tornou o que é hoje. É uma narrativa longa a construir ao longo do tempo.

Os primeiros dois elementos geralmente, não mudam ao longo do tempo; de forma inversa, tendem a ser afinados e consolidados em redor daquilo que planeámos desde o início. Tem o rosto da nossa ideia inicial e é, de uma forma ou outra, o nosso próprio rosto de nós, enquanto promotores. E o caminho tanto da marca como dos promotores é contado pela História da Marca.

O tema da estaçãoou mood board da colecção – é uma peça essencial da nossa marca, nomeadamente de uma marca de vestuário, que muda a cada estação. É, normalmente, um tema sazonal à volta do qual trabalhamos para comunicar de forma diferenciada com os nossos clientes, com o mesmo ethos inerente – a personalidade e os valores são os mesmos, mas a nossa mensagem é ligeiramente diferente, porque temos montes de novas ideias a verter nos nossos novos produtos. Voltarei a isto num post posterior.


O Ambiente da Marca

Neste exercício da definição da marca TUTA & 1/2, como tem sido um processo gradual ao longo das últimas semanas, muito foi deixado em aberto, intencionalmente, de forma a deixar algumas ideias navegarem para assentarem mais à frente.

Uma destas ideias foi, especificamente, a colecção imagética do ambiente da marca. A minha intenção era posicioná-lo num ambiente gráfico retro dos anos 50 e 60, especificamente no que ao uso da cor e da escala diz respeito. Sou muito fã das tendências interiores e de grandes gráficos dos 50 e 60, tais como algumas formas artísticas escandinavas que surgiram nestas décadas, mas cheguei à conclusão que seria melhor comunicado através do produto em si e da comunicação visual, do que através do Ambiente de Marca.

Anteriormente, em outros projectos, eu defini o Ambiente de Marca tanto por palavras, em mood board, ou com ambos. Para o tornais mais simples para este projecto, optei por reunir uma série de imagens que conjugam o uso das cores e das formas, assim como o carácter lúdico pretendido para o projecto e o produto, em conjunto com algumas palavras chave que dão contexto ao mood board.

Algumas palavras e imagens andavam a flutuar na minha mente já há algum tempo mas acabaram por se encontrar no mood board do Ambiente de Marca.

brandscape
TUTA & 1/2 brandscape mood board | Socks’ brand

colorido • brincalhão • gráfico • inspiração dos anos 50


A Personalidade da Marca

A personalidade da marca é uma forma de prever como a marca se vai comportar em determinadas situações no futuro. Para definir a personalidade da marca, podemos defini-la como se fosse uma pessoa.

Para a TUA & 1/2, a sua personalidade de marca foca-se num tipo de “pessoa” directa, witty e com uma postura slow-living. O seu objectivo é trazer diferentes produtos ao público, com um foco nas artes tradicionais, mas com um twist de modernidade. Interessada na arquitectura moderna e no design de interiores, postres gráficos e demandas intelectuais.

Posso voltar a este assunto mais tarde.


A História da Marca

Há tanto tempo quanto tenho memória, vi a minha Avó de agulhas na mão, a fazer alguma coisa, à janela, nas tardes de Domingo. Quer fossem naperons de crochet ou toalhas, cortinas e aplicações para os lençóis, ou meias de 6 agulhas.

As meias sempre foram o que mais me intrigou, e sempre me pareceram uma tarefa impossível e interminável, com todas as malhas e as rodas à volta da meia a ser construída. Nunca mostrei muito interesse em tricotar meias, porque a minha própria experiência com agulhas de crochet era particularmente traumática. Nos anos mais recentes, mudei a minha opinião em relação a este assunto e comecei a valorizar estas artes manuais.

De qualquer forma, a maioria das meias que ela tricotava eram feitas numa única cor, ou duas, no máximo, especificamente em cores de linho ou cânhamo cru, e era sempre para o meu Avô. Ambos eram agricultores e estas fibras vinham das culturas que faziam. Ela também tecia sacos de linho para guardar o centeio, o trigo e outros cereais que eles cultivavam.

É um exemplo de economia circular, numa muito pequena escala, mas que estão enraizadas nesta ideia de que tudo o que temos provém de práticas mais antigas.

A ideia da TUTA & 1/2 é fazer com que estas artes manuais reemerjam e tragam um aspecto colorido, moderno e brincalhão, que estas meias que a minha Avó fez nunca tiveram, a um novo produto. É uma forma de prestar homenagem ao seu sacrifício e arte.


A seguir: O Moodboard da Estação

Porque é que isto existe?

Sou alguém que adora um desafio motivacional, e, mesmo que goste de resolver os desafios de outras pessoas, queria criar um projecto meu com uma série de regras diferentes nas minhas áreas profissionais, para que possa também aprender com o processo.

Para saber mais sobre as minhas áreas profissionais, dá um salto ao SOBRE.

No Comments

Post a Comment